História oral, feminismo e política

Autor: Daphne Patai 
Ano: 2010
Preço: R$ 28,00
ISBN: 978-85-62959-02-8
Formato 14x21, 168 páginas

 

_ Sinopse _

Conhecimento, experiência e autonomia intelectual. Estes são os ingredientes de História oral, feminismo e política, livro de ensaios que reúne parte da obra da estudiosa Daphne Patai em torno dos temas que compõem o título. Oito textos estimulantes revelam visões firmes e provocativas a respeito do trabalho com oralidade, entrevista, memória e narrativa.

Balizados pela obra referencial Brazilian women speak: Contemporary life stories – livro pioneiro que a autora publicou em 1988, nos Estados Unidos, reunindo histórias orais de mulheres brasileiras –, os ensaios delineiam os trajetos das ideias de uma pensadora inquieta que trafegou por campos como literatura brasileira e comparada, estudos feministas,estudos utópicos e guerras culturais,entre outros, além da história oral.

Com escrita refinada e densidade admirável, os textos de Patai levantam questões cruciais para o entendimento da história oral no cenário intelectual, político e social contemporâneo, em debates tanto sobre os problemas internos da metodologia como sobre seus propósitos e usos.

 

Conteúdo _

Apresentação, por Ricardo Santhiago
1. Construindo um eu: Uma história oral de mulheres brasileiras
2. Problemas éticos de narrativas pessoais, ou, Quem vai ficar com o último pedaço de bolo?
3. Quem chama quem de “subalterno”?
4. O que há de errado com os Estudos da Mulher?
5. Chega do solipsismo nouveau dos acadêmicos
6. A verdade de quem? Iconicidade e exatidão no universo da literatura testemunhal
7. História oral e feminismo: Uma revisão crítica
8. A face evanescente do humanismo
Referências bibliográficas

 

Sobre a autora _

DAPHNE PATAI é professora no departamento de Língua, Literatura e Cultura na Universidade de Massachusetts, Amherst. É autora deBrazilian women speak: Contemporary life stories (1988),Heterophobia: Sexual harassment and the future of feminism (1998) eProfessing Feminism: Education and indoctrination in Women's Studies, com Noretta Koertge (1994, com segunda edição ampliada de 2003). Entre os livros que organizou estão Women's words: The feminist practice of oral history, com Sherna Berger Gluck (1991) eTheory's Empire: An anthology of dissent, com Will H. Corral (2005). Seu livro mais recente é What Price Utopia? Essays on ideological policing, feminism, and academic affairs (2008).

História oral, feminismo e política
R$28,00
História oral, feminismo e política R$28,00

Autor: Daphne Patai 
Ano: 2010
Preço: R$ 28,00
ISBN: 978-85-62959-02-8
Formato 14x21, 168 páginas

 

_ Sinopse _

Conhecimento, experiência e autonomia intelectual. Estes são os ingredientes de História oral, feminismo e política, livro de ensaios que reúne parte da obra da estudiosa Daphne Patai em torno dos temas que compõem o título. Oito textos estimulantes revelam visões firmes e provocativas a respeito do trabalho com oralidade, entrevista, memória e narrativa.

Balizados pela obra referencial Brazilian women speak: Contemporary life stories – livro pioneiro que a autora publicou em 1988, nos Estados Unidos, reunindo histórias orais de mulheres brasileiras –, os ensaios delineiam os trajetos das ideias de uma pensadora inquieta que trafegou por campos como literatura brasileira e comparada, estudos feministas,estudos utópicos e guerras culturais,entre outros, além da história oral.

Com escrita refinada e densidade admirável, os textos de Patai levantam questões cruciais para o entendimento da história oral no cenário intelectual, político e social contemporâneo, em debates tanto sobre os problemas internos da metodologia como sobre seus propósitos e usos.

 

Conteúdo _

Apresentação, por Ricardo Santhiago
1. Construindo um eu: Uma história oral de mulheres brasileiras
2. Problemas éticos de narrativas pessoais, ou, Quem vai ficar com o último pedaço de bolo?
3. Quem chama quem de “subalterno”?
4. O que há de errado com os Estudos da Mulher?
5. Chega do solipsismo nouveau dos acadêmicos
6. A verdade de quem? Iconicidade e exatidão no universo da literatura testemunhal
7. História oral e feminismo: Uma revisão crítica
8. A face evanescente do humanismo
Referências bibliográficas

 

Sobre a autora _

DAPHNE PATAI é professora no departamento de Língua, Literatura e Cultura na Universidade de Massachusetts, Amherst. É autora deBrazilian women speak: Contemporary life stories (1988),Heterophobia: Sexual harassment and the future of feminism (1998) eProfessing Feminism: Education and indoctrination in Women's Studies, com Noretta Koertge (1994, com segunda edição ampliada de 2003). Entre os livros que organizou estão Women's words: The feminist practice of oral history, com Sherna Berger Gluck (1991) eTheory's Empire: An anthology of dissent, com Will H. Corral (2005). Seu livro mais recente é What Price Utopia? Essays on ideological policing, feminism, and academic affairs (2008).